Eclesiastes 9:10

“Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças; porque no Seol, para onde tu vais, não há obra, nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma. ”

Outro dia, ao ouvir um depoimento na hora lembrei do filme  do Homem Aranha….sério…!!!kkkk…

Sabe aquela parte no primeiro filme onde ele não recebe pela luta que venceu no ringue e fica tão nervoso que quando o ladrão rouba todo o caixa do dono do ringue, ele apenas afasta o corpo e deixa o ladrão escapar e esse mesmo ladrão é quem mata o tio dele?

Primeiro, não é spoiler porque este filme é bem antiguinho e todas as pessoas do mundo já viram, certo..rsss! Espero que sim.

Mas, o foco é outro.

Perceberam a relação do versículo de Eclesiastes, com o fato do homem aranha?

Quantas coisas chegam a nós e apenas pensamos: “Outro fará isso.”

Mas pense bem: se chegou até você, você está tendo a oportunidade, a honra, o poder, a vida, a alegria, a força para cumprir a meta.

Alguém pode dizer: é difícil, impossível, não dá mesmo, “o que que é isso?”… mas o importante é tentar.

Fazer o nosso melhor é uma forma de cumprir a meta. Por mais que forças ocultas, digamos assim, queiram nos paralisar, impressionar, manipular, atormentar, fazer o nosso melhor é uma forma de dizer que somos mais que vencedores por Aquele que nos amou.

Sim, somos amados do Pai!

A mensagem hoje então é essa: vamos fazer o nosso melhor como se fosse para o próprio Deus, com zelo, com alegria, com gratidão.

Comentem sobre isso comigo. Vou gostar de interagir com vocês sobre esse assunto.

Abraços afetuosos.

Feliz ano todo!

Renata